Mandala
 

Rotulagem de Alergênicos: como mães de alérgicos mudaram a legislação de nosso país

Rotulagem de Alergênicos: como mães de alérgicos mudaram a legislação de nosso país

 

A ANVISA, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, lançou o 5° questionário com perguntas e respostas esclarecendo um pouco mais sobre a Rotulagem de Alergênicos.

Essa legislação, feita lá longe em Brasília, parece algo distante de nosso cotidiano, mas tudo isso começou num grupo de apoio de mães de crianças alérgicas no Facebook.

Elas passavam os dias e noites relatando sintomas e trocando receitas em busca de apoio mútuo para lidar com as alergias de seus filhos.

Uma grande dificuldade relatada era a compra de produtos no mercado. Os rótulos não eram completos ou claros (havia nomes técnicos como caseína ao invés de leite, albumina ao invés de ovo, etc). Isso dificultava a vida de quem não podia consumir produtos contendo leite, ovos, soja, etc.

A angustia dessas mães gerou uma ação nas mídias sociais. A primeira foto foi feita em fevereiro de 2014 e mostrava uma bebezinha segurando uma placa que dizia "Põe no Rótulo".

A ação repercutiu com força e logo isso se transformou num movimento organizado para pressionar a rotulagem completa de alergênicos nos produtos industrializados.

O movimento conseguiu apoio de mais de 130 mil pessoas, dentre eles centenas de artistas, políticos e celebridades dando suporte à causa.

Essa movimentação popular inédita trouxe frutos e em  24 de junho de 2015, a Diretoria Colegiada da Anvisa aprovou, por unanimidade, a regulamentação da rotulagem de alergênicos em bebidas e alimentos embalados na ausência do consumidor (RDC nº 26/15).

Após 12 meses de prazo para a indústria se adequar, desde 3 de julho de 2016, os rótulos das bebidas e alimentos embalados na ausência do consumidor devem destacar a presença dos principais alergênicos, além de indicar o risco de contaminação cruzada, quando não for possível evitá-lo com a adoção de boas práticas de fabricação.

A aprovação da RDC nº 26/15 pela Anvisa é uma conquista inédita para as pessoas que precisam ter acesso a informações sobre alergênicos nos rótulos e representa um importante passo no sentido de promover a participação da sociedade civil no processo regulatório, garantindo o efetivo exercício do controle social.

Veja também:

Saiba mais sobre o movimento Põe no Rótulo.

Para conhecer melhor a Resolução da RDC 26/2015, que dispõe sobre os requisitos para rotulagem obrigatória dos principais alimentos que causam alergias alimentares.  Clique aqui.

Confira a cartilha com a 5ª edição Perguntas e Respostas sobre Rotulagem de Alimentos Alergênicos.

 

Nenhum comentário.

Comentar

SITE TEMPORARIAMENTE EM MANUTENÇÃO

Durante este período, você poderá encontrar dificuldades para finalizar sua compra.

 Se preferir, pode fazer seu pedido usando os canais abaixo:

  (11) 2476-2166

  (11) 93801-8720

  mandala@mandalacomidas.com.br